Friday, May 26, 2006

TV via ADSL @ PT





Revolução por ADSL?

Timidamente o Clix disponibilizou a sua solução TV por ADSL2+. Isto seria normalmente uma boa notícia para todos nós já que faz concorrência à quase monopolista TV Cabo fornecendo contéudos televisivos por outro meio. Temos o hábito de praguejar contra monopólio da PT, da TV Cabo, Telepac e Netcabo em Portugal. Mas a concorrência não faz nada por as desafiar, aliás a concorrência limita-se a aliar-se às suas políticas de preços contribuindo para manter os elevados preços que cá se praticam. Isso é o que se constata com os preços e o oferta dos "inovadores" serviços SmarTV do Clix. Se a TV Cabo oferece um pacote "básico" (22,50€) e "premium" (27,50€) o Clix oferece o mesmo por pasme-se 22,50€ e 27,50€! E nem na oferta do número de canais existe quase diferenciação. A TVcabo dá 40 e 65 canais enquanto que o Clix oferece 40 e 68 canais respectivamente. Assim o Clix não se atreve a disputar clientela do mercado adversário que é o cabo porque na verdade não dá motivos e vantagens para os utilizadores da concorrência desertarem. Limitam-se a aproveitar o mercado telefónico em que se inserem e assim é como se existisse um pacto de não agressão.

Mas infelizmente para o Clix técnicamente tem os seus problemas e por isso até devia ser mais competitiva na sua oferta. A transmissão de TV em ADSL/linha telefónica não consegue equivaler-se à de cabo/fibra óptica. Enquanto que por cabo todos os canais estão instantaneamente acessiveis por vários televisores sem afectar a largura de banda da internet já em ADSL não é assim. Cada canal TV por ADSL consome 4MB/s e ora tendo a oferta Clix o máximo (e em condições optímas 16MB cada lar só pode ter 3 a 4 TV's ADSL já que se tem de contar também com a largura suficiente para a internet. Igualmente cada televisor tem de ter a sua box de conversão de sinal o que se torna dispensioso no aluguer de caixas conversoras. Dispendioso e problemático no consumo da largura de banda lá está. Outro aspectos negativo é que a TV por ADSL do Clix tem de usar compressão para caber nos 4MB/s (e infelizmente usa compressão MPEG2 e não MPEG4). Como ponto positivo é a de permitir ao assinante escolher alguns dos canais do pacote total de quase 100 canais que oferece.



Quando chegaremos ao nível de preços e serviços praticados no resto da Europa? Cá um pacote normal TVcabo/Netcabo custa quase 12contos. Um pacote semelhante ADSL com Internet e TV mas com o bónus de oferta telefonica custa o mesmo. No resto de Europa pelos 35€ que um normal cidadão cá paga pela internet seja cabo/ADSL tem um pacote TV com 50 canais, Internet a 20MB (sem limites de consumo) e telefone ilimitado. Esta é por exemplo a oferta da francesa Neuf mas observando outros exemplos vemos que batem claramente a oferta em Portugal. Porque lá fora a real concorrência existe e funciona.

2 comments:

xá-das-5 said...

Ora ainda bem que escreveste isto, pois eu até estava numa de migrar para a Clix... visto ter o Motors.

Nuno Barros said...

Eu também vi uns canais interessantes no "bouquet", como por ex o NHK (iria adorar ver canais japoneses) mas é preciso ter cuidado com as armadilhas técnicas da tv via ADSL. Pode no final ficar tudo demasiado caro e pouco prático...