Saturday, May 06, 2006

Nina vs Ilona





Nina vs Ilona

Ao finalizar o post anterior descobri que afinal temos uma "Ilona" portuguesa. Chama-se Nina e tanto a imagem e música é uma cópia um tanto descarada do original francês senão veja-se a boneca com o coração, os pilares, as abelhas, as flores. E até mesmo existe um crocodilo como no "Un Monde Parfait"! Uma má e foleira cópia da Vidisco. A animação 3D não está má se bem que não aprecie as superfícies um tanto "plásticas". Mas isso não desculpa nem o roubo quase descarado nem a fraca qualidade estética. O design e estética mais estilizada de Ilona Mitrecey é de melhor qualidade comparado com o 3D um tanto demodé da Vidisco.

Pena que nem a copiar os nossos produtores consigam ser originais. Mas será que queriam mesmo o ser? Puro oportunismo. Uma vergonha nacional. Este plágio só vem dar mais razão ao que escrevi no post anterior. Não há produção musical infantil em Portugal.


"Lá vou eu, lá vou eu por por esta estrada interminável..."


Quem não caça com pinguim, caça com galo
e abelhas...


Dejá vu? Plágio? Não, não, as "nossas" colunas
são claramente de um estilo mais jónico.

Links
Ouvir extractos das músicas na fnac.pt
Ver o videoclip no site do criador 3D Tiago Castro

12 comments:

Carca said...

Ilona não era o verdadeiro nome da Cicciolina?

Nuno Barros said...

Era e é. É o nome de muito boa gente (não que a Cicciolina não o seja é claro). Estás a insinuir que a pobre "petiz" francesa vai acabar nos mesmos caminhos? ;)

Atomo! said...

Isto é um escandalo (lol)... o plágio não o da desgraçada da personagem ter o mesmo nome que a porno-deputada italiana

Optimista said...

"A animação 3D não está má"?! ... "Não está má"?!?!?! Isso é um elogio às más animações! POirque a animação disto está bem aquém do que devia! Não pelos apetrechos (que não tem nada que se lhe diga, não passa de um "squash&stretch", mas a animaçõ da menina a dançar, meu Deus, que calamidade! Mas isso nem é o pior!

"O design e estética mais estilizada de Ilona Mitrecey é de melhor qualidade comparado com o 3D um tanto demodé da Vidisco."

Pois, é que "um tanto demodé" nem começa a descrever o cenário! O problema, é que o teledisco nacional tem uma das piores iluminações que já vi em qualquer animação 3D. Na realidade, não via uma iluminação tão má desde 1998 (num anúncio à Rádio Cidade, com um bébé 3D absolutamente asqueroso e inanimado). Enquanto o teledisco da música francesa é "viva" e cheia de cor, a versão Portuguesa é descolorida, triste e baça.

Ressalvo que a culpa pode nem ser dos executantes que criaram o teledisco. Está ali muito trabalho. O que suspeito é que o orçamento não deu para mais e os artistas tiveram de fazer o melhor que puderam com o parco orçamento que se lhes foi oferecido.

Nuno Barros said...

Caro Optimista, se leu o resto do meu post viu como dei forte e feio. Se nessa frase fui um bocado benévolo foi para não desmotivar completamente os autores já que tão pouco 3D se faz comercialmente cá. Portanto não pegue nesse pequeno bocado para fazer parecer que dei dos maiores elogios e lhes dei um prémio. A verdade é que não está grande coisa mas convenhamos lembro-me de já ter visto coisas péssimas, muito más, terriveis mesmo feitas em portugal, aliás é normalmente um bocado raro ver-se coisas boas em 3D por cá.

Li na cache dum forum no google (http://forum.cgartdomain.com/index.php?showtopic=5532) que a execução demorou 5 semanas em que um dos elementos trabalhou em full-time e outro em part-time. Alguns elementos parecem ter sido roubados de librarias o que deve ter poupado tempo. Mas creio que o mau trabalho resulta mesmo de nalguma falta de gosto estilistico infantil. Tivesse ao menos tido um bom design e as questões tecnicas ainda se desculpavam...

Nuno Barros said...

Ahhhh! E se quer ver o que é elogiar o videoclip experimente ler os comentários no referido forum onde muitos até lhes beijam os pés (para não dizer que lhes lambem o traseiro)...

"Pareveme mto porreiro pelas imagens."
"Curti tótil o video grande trabalho!O movimento das camaras e os promenores todos falados na musica aparecem 5*!"
"Muito bacano, mas isso já tu sabes..."
"Keep up the good work"
"Está muito bom, colorido e fofo"
"Está muito giro!"
"mas está muito bom parabens, bom trabalho"
"Excelente trabalho! Está muito bom, com excelente modelação q.b. ao público a que se destina e muitas cores"
"Excelente trabalho! Está muito bom, com excelente modelação q.b. ao público a que se destina e muitas cores"
"Está excelente!!"
"Ta lá! Não mexe"

Continuo? há dezenas mais a dizer bem...

jose said...

lol.
opá.
a quantidade de importações que se faz do estrangeiro é incrível. este é apenas mais um caso.
de qualquer maneira não vi o da boneca portuguesa. vi o da francesa. não consigo achar muita piada mas a minha sobrinha (5 anos) adora.
quanto à animação da portuguesa, bem, embora eu não seja entendido em animação 3D tenho formação básica em artes, pelo que isso esteticamente é deplorável. Mas bem, há gostos para tudo, como demonstram e bem os comentários que transcreves.

Nuno Barros said...

Antes fosse uma "importação" com licença. Ao menos o "roubo" seria bem executado.

Quanto a não achares graça és daqueles que tem vergonha de achar piada ou perdeste mesmo a alma de criança? ;)

jose said...

Hmmm não teria vergonha nenhuma em dizer que gostava do vídeo e da música se efectivamente gostasse do vídeo e da música. Se calhar perdi a alma de criança. Também vi um ou dois vídeos das histórias da carochinha e achava aquilo extremamente parvo, mas lá está, a minha sobrinha aprecia.
Agora aos almoços, como ela está cá em casa, levamos com os desenhos animados do Panda. Há uns que até aprecio, outros que são completamente imbecis.
Resumindo, não é por ser uma coisa para crianças que eu não gosto da llona. É só não apreciar por não apreciar. Acho que não gosto muito das coisas para crianças dos tempos de agora, mas gosto das coisas para crianças do meu tempo. Acho que se calhar a minha alma de criança não se perdeu, apenas não evoluiu com o tempo. :D

Nuno Barros said...

Ah mas quanto às histórias da carochinha também acho aquilo medíocre. Aquilo parece-me ser (mal) feito em Flash até.

Não aprecio lá muito o Panda mas por ex. o Cartoon Network acho que apresenta um estilo infantil moderno que me agrada.

Eu acho que se vai fazendo bons produtos infantis mas infelizmente é quase tudo feito lá fora. Excepto alguns casos como por exemplo este http://omeupiupiu.blogspot.com/2005/12/martataka.html

Optimista said...

Caro Nuno Barros, é evidente que li o seu post ou não estaria a comentá-lo! E atenção: eu não estava a criticá-lo e não quiz fazer parecer que tinha feito um comentário elogioso. Na realidade, estava apenas a levar mais além os seus comentários, pegar no que disse e acrescentar, dizendo pior :-)

Quanto a já ter visto coisas terríveis feitas em Portugal, concordo plenamente! Mas é como digo: os tempos mudam, e já não se vê nada tão mal feitinho desde há uns largos anos. É preciso ver que há muita coisa bem feita em Portugal, especialmente na área dos anúncios publicitários mas também algumas coisas em campanhas de sensibilização ou de instrução.

Agradeço o link para os comentários no CGArtDomain, não sabia que estava ser comentado. COmpreendo perfeitamente que os tempos de realização e o tamanho da equipa não davam para mais. Mas o que trasnparece cá para fora, o que o telespectador vê é um trabalho de má qualidade e não se está propriamente a importar com os meios envolvidos. Sim, que sinceramente, para ser uma pessoa a fazer aquilo sozinha em 5 semanas (com a ajuda a part-time de outra) nem está mal de todo e devem ter suado as estopinhas! Seja como for, o que mais critico no teledisco é a iluminação pavorosa, e isso arranjava-se com um bocadinho de tempo e melhorava substancialmente a imagem que trasnparecia cá para fora, a linha que delimita um trabalho que "escapa" de um trabalho "desenrascado".

Quanto aos programas infantis apresentados pelo Panda, Cartton network e Canal 2, realmente há coisa que estão muito bem feitas e outras que estão horripilantes. Pois, ninguém é perfeito!

Ciléa said...

vou apenas comentar que... realmente é vergonhoso... ja sou adulta.. 31 anos.. e a primeira vez que vi o videoclip da ilona, ha mais de um ano atras, adorei, e fiquei completamente fascinada, pois acho que esta um trabalho muito bem feito, quem me dera saber fazer um trabalho desses...

quando vi ha meses atras o videoclip portugues... bem.. pensei como é que é possivel.. isto realmente é vergonhoso.. principalmente porque penso que se aproveitaram do facto de muita gente nao conhecer a ilona e assim tentarem lançar a coisa como se fosse deles... e pelo que li... resultou com algumas pessoas...