Wednesday, December 14, 2005

As Estratégias TVI





A estratégia repetitiva da TVI

A TVI consegue manter-se no topo das audiências porque conseguiu construir uma fórmula que prende ao ecrã uma "fatia" de espectadores que conhece bem. O que é preocupante é como esses mesmos espectadores são muito pouco exigentes deixando-se lubridiar com certas tácticas do canal. Fundamento isto ao reparar na estratégia abusadora da estação que passa pela prática de repetir, esticar e rendibilizar tudo ao máximo.

Ora, pelo menos quatro "fórmulas mágicas de repetição" são usadas pela TVI:

1º Esticar a duração dos produtos internos como séries e novelas o mais possível. Isto acontece com séries que parecem eternas. Anjo Selvagem colocou a trinca-espinhas Paula Neves no ecrã o tempo suficiente para a duração da telenovela ter tido direito a piadas. Tenho conhecimento certo que pelo menos durou 268 episódios e fala-se que chegou aos 400 episódios. E até Queridas Feras durou 238 episódios quando normalmente o tempo médio de uma telenovela são 150 episódios. E o já famoso fim de "Ninguém Como Tu" anda a ser vergonhosamente adiado andando a TVI a mugir a vaca até à sua morte. E até a indústria de telenovelas brasileira se admira com o caso.

2º Transmitir o mesmo, mudando o rótulo. O caso mais flagrante é mesmo o Big Brother. Além do modelo da versão original já apresentou o Big Brother Famosos e a Quinta das Celebridades. E a Primeira Companhia não é mais que uma variante. O mais fascinante nisto é que além da reciclagem do modelo de programa em si, a TVI aproveita e aposta igualmente nos mesmos nomes de edições anteriores (Marcos Frota, Castelo-Branco, Nuno Homem de Sá, Romana, Telmo, Zé Maria...).

E ainda há o caso especial "Morangos com Açucar" que resulta numa combinação destas 2 primeiras fórmulas porque não encaixa exclusivamente só numa delas.

3º Repetir o mesmo durante a mesma semana noutros horários. Isto sabe-se é demasiado usado até noutras estações. Partes finais de telenovelas do dia anterior retransmitidos igualmente no dia seguinte é prática corrente. Igualmente retransmissão de vários programas dados durante a semana no fim-de-semana é outra variante.

4º Repetir indefinidamente as mesmas séries e filmes.
O Pacote de filmes TVI é muito limitado e as maratonas de filmes das tardes de fim de semana acabam sempre por ser os mesmos. Alguns meses depois da última transmissão lá é novamente exibido o mesmo filme. Até os filmes "blockbuster" (como a Múmia são rentabilizados ao máximo e sempre anunciados como quase fosse a primeira vez que são exibidos. Quanto a séries os mais novos são muito prejudicados. Quem espiar ocasionamente os sábados e domingos da manhã repara que séries como Jackie Chan teima em não desaparecer. E então o pobre cãozinho Eddie (Um Cão chamado Eddie) nunca conseguirá alcançar as suas boas acções na totalidade porque regressa mais tarde ou mais cedo a ter de fazer as mesmas boas acções, sem nunca ter chance de se tornar humano.

Se conscientemente e teoricamente podemos pensar que tais excessos não são benéficos para qualquer estação a verdade é que o espectador lusitano parece ter preguiça de usar o controlo remoto. Ou será que usa mas não gosta do que vê nos outros canais?
Assim nunca haverá variedade na programação da TVI. Mês após mês tudo parece demasiadamente igual. A concorrência até varia as suas emissões, e fazem-no muitas vezes por desespero e à espera de afundarem o porta-aviões ao calhas, procurando uma nova fórmula televisiva que desperte o público da TVI de tal letargia.

4 comments:

Anonymous said...

Parabéns! O seu blog está agora a votação em www.iloveyourblog.com! Boa sorte!

TVI Blog said...

Antes de mais parabéns! O teu Blog esta excelente mas... apesar de em certas partes concordar com o teu discurso continuo a achar que a TVI é ainda o melhor canal da televião portuguesa. Pode ter os seus contras e apesar de muitos falarem mal muitos são aqueles que vêem a TVI, nem que seja apenas para falar mal.
Mas gostos não se discutem!

Uma vez mais saliento que o teu trabalho esta muito bem feito e agora que conheço o teu blog irei aqui de vez em quando ver o que dizes. Já agora convido-te a conheceres o meu blog que... enfim, é dedicado a TVI - http://tviblog.blogs.sapo.pt.
Abraços!!!

Anonymous said...

Não quero acreditar!!!
O TVIblog.blogas.pt existe mesmo.
Teologia das sopeiras
Abaixo de cão;
quarta classe

Nuno Barros said...

Ora pois existe. Posso não concordar com os gostos e filosofia do TVIBlog mas tem todo o direito de existir. Espero é que o anônimo que fez o post acima de uma próxima não vá mais longe nos comentários ou será apagado. E penso naturalmente que deveria ter a coragem de se identificar.